Categoria:

Colunistas do Magis integram bibliografia selecionada do STJ

pilha de livros

O STJ recentemente selecionou bibliografias sobre Inteligência Artificial, elegendo 50 livros, 104 capítulos de livros, e 122 artigos de periódicos, todos elaborados por pesquisadores qualificados e referências na área de direito digital.

A seleção de bibliografia do STJ revela algumas dentre as melhores pesquisas jurídicas desenvolvidas no Brasil sobre temas específicos, nessa linha de intelecção cumpre fazer menção a alguns dos textos selecionados nesta edição:

Dentre os periódicos selecionados foi selecionado um artigo do colunista, Júlio Moraes de Oliveira.

OLIVEIRA, Júlio Moraes. As novas tecnologias e os desafios do direito do consumidor. Revista Jurídica, São Paulo, v. 70, n. 515, p. 35-45, set. 2020. Localização: STJ, PGR, SEN, STF, STM, TCDF, TJDFT, TST, CAM.

Dentre as obras selecionados, foram selecionadas duas obras que contém artigos de autoria de colunistas do Magis:

FALEIROS JÚNIOR, José Luiz de Moura; LONGHI, Rozatti; GUGLIARA, Rodrigo. Proteção de dados pessoais na sociedade da informação: entre dados e danos. Indaiatuba, SP: Foco, 2021. xix, 439 p. Localização: STJ, SEN, STF.

Nesta obra foram publicados os artigos, A Responsabilidade Civil dos Influenciadores Digitais em Tempos de Coronavírus, de autoria de Caio César do Nascimento Barbosa, Glayder Daywerth Pereira Guimarães, e Michael César Silva. E o artigo, Danos Morais Coletivos e Vazamentos de Dados Pessoais, de autoria de Pietra Daneluzzi Quinelato.

BARBOSA, Mafalda Miranda; BRAGA NETTO, Felipe; SILVA, Michael César; FALEIROS JÚNIOR, José Luiz de Moura (coord.). Direito Digital e inteligência artificial: diálogos entre Brasil e Europa. Indaiatuba: Foco, 2021. xxiii, 1107 p. Localização: STJ, STF, TJDFT.

Nesta obra foi publicados o artigos: Repercussões jurídicas do princípio da boa-fé objetiva e o algoritmo de Contend ID da plataforma do Youtube, de autoria de Caio César do Nascimento Barbosa, Glayder Daywerth Pereira Guimarães, e Michael César Silva. E o artigo, Publicidade Ilícita e Sociedade Digital: delineamentos da responsabilidade civil do Digital Influencer de autoria de Caio César do Nascimento Barbosa, Glayder Daywerth Pereira Guimarães, e Michael César Silva.

Ser um dos autores a compor obra selecionada pelo STJ constitui uma honra, e é um reconhecimento do trabalho enquanto pesquisador.

Esse reconhecimento também sinaliza a qualidade do corpo de colunistas que integram o Portal Jurídico Magis.

____________________

Equipe Magis

Compartilhe nas Redes Sociais
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Continue Lendo
Anúncio